Formação Flash GT AmbPratEmerg: Gamificação com MOODLE

(adapt. https://www.kobo.com/pt/pt/ebook/gamification-with-moodle)

O grupo de trabalho sobre Ambientes e Práticas Emergentes organiza uma formação-flash sobre gamificação com a plataforma Moodle.

A gamificação em formações online tem vindo a ser introduzida como forma de motivação dos estudantes, estimulando a competição e a superação dos objetivos, bem como o sentido de progresso (passagem de níveis, pontos de experiência) na aprendizagem. Neste micro-workshop, pretende-se explorar algumas ferramentas de gamificação no contexto da plataforma Moodle, como o H5P, Game e quadros de pontuação/recompensas/medalhas.

Temas:

  • Introdução e acesso à plataforma Moodle
  • Atividades interativas H5P
  • Jogos com a atividade “Game”
  • Quadros de ranking e recompensas

As inscrições são gratuitas mas obrigatórias, através do formulário disponível em:

https://forms.gle/CBbjnEubh19ZcRUu9

Mais informações:

https://sead.spce.org.pt/gt-ape-gamificacao-moodle

World Education Summit 21 a 24 março 2022

Começa hoje a World Education Summit que decorre online até 24 de março 2022

Connecting the greatest educators across the world with incredible expertise, practice and the latest research, all delivered straight to you wherever you are, whenever you want it so your whole network can get involved.”

Este ano apresenta como um dos temas as tecnologias : “EdTech: New Relationships. New Efficacies. New possibilities. Shifting traditional EdTech focus on the Tech, back onto Behaviours.”

VPL – Laboratório Virtual de Programação

VPL (“Virtual Programming Lab”) é um ambiente de programação totalmente integrável num sistema de gestão de aprendizagem online, como o Moodle.

Através desta ferramenta, os alunos podem realizar, testar e submeter a avaliação trabalhos de programação em inúmeras linguagens (C, C++, Python, Java, etc.), sem necessidade de instalar software adicional no seu computador. Os docentes podem assim disponibilizar num formato uniforme e eficaz a componente prática do ensino da Programação de Computadores, a distância.

Está agora disponível a mais recente versão deste útil sistema: https://vpl.dis.ulpgc.es

Webinars: “O Digital na Educação II” e “O Digital na Educação III”

O CNE – Conselho Nacional de Educação organiza, no dia 7 de dezembro, pelas 15:00h, o Webinar “O Digital na Educação II”, e no dia 9 de dezembro, pelas 10:00h  “O Digital na Educação III” com o objetivo de promover uma reflexão sobre a importância das tecnologias digitais na educação e os caminhos a seguir para a obtenção dos melhores resultados. Para mais informações consulte o site.

Proposta de Candidatura do Professor Paulo Maria Bastos Dias para a Coordenação da SEaD-SPCE

Proposta de candidatura

Desde a reunião de constituição, a qual decorreu no âmbito do XIII Congresso da SPCE em 2016, a Secção de Educação a Distância tem vindo a desenvolver a sua atividade no domínio da reflexão sobre a educação digital, a distância e em rede, nas áreas da formação para a docência on-line, dos ambientes e práticas emergentes para as aprendizagens em
rede, e da qualidade e inovação pedagógica.

O percurso desenvolvido até ao presente tem como enquadramento a missão e objetivos da secção através dos encontros anuais e das demais reuniões de trabalho que temos vindo a realizar, como é testemunhado na página da secção https://sead.spce.org.pt

Contudo e pese embora a significativa presença nos encontros que temos vindo a realizar com acesso livre, o esforço desenvolvido ainda não se concretizou na ampla adesão da comunidade da Educação a esta iniciativa sob a forma de membros participantes e envolvidos no programa e atividades da secção.

É certo que os tempos de confinamento devido à pandemia criaram um cenário incerto e perturbador do regular desenvolvimento da secção, onde a sobrecarga do trabalho online de muitos dos potenciais membros poderá ter desmobilizado o interesse suscitado pelas oportunidades da tecnologia nestes contextos. Mas é também evidente que o imenso esforço da comunidade da Educação em construir alternativas ao confinamento e necessita agora de ser optimizado para um cenário pós-pandémico de enriquecimento do ensino e aprendizagem com o digital.

No III Encontro da SEAD realizado recentemente, os painéis que o constituíram tiveram uma forte participação de professores dos diferentes níveis de ensino, de investigadores e de outros profissionais, o que constitui um sinal de valorização da ligação entre o mundo académico e o profissional, em particular no que respeita à sessão dedicada aos jovens investigadores. Creio ser este um aspeto que merece a maior atenção para o desenvolvimento futuro pois, no quadro da missão da secção, esta é uma linha fundamental para a sustentabilidade do seu programa de ação, através da contribuição colaborativa para a reflexão e a inovação nos domínios da educação digital, a distância e em rede.

Para o conseguir concretizar teremos de desenvolver uma conceção da educação para além da visão da reprodução sócio curricular que sustenta uma sociedade com profissões e tarefas definidas. Esta é uma visão ultrapassada, em absoluta contradição com as dinâmicas das redes de aprendizagem e conhecimento na sociedade digital.

Creio que este é um momento decisivo para reforçar e consolidar a missão da secção, a qual se afirma no desafio da valorização da inovação e da mudança para a educação digital na sociedade em rede.

Para dar continuidade a este projeto apresento a minha candidatura para a coordenação da secção de Educação a Distância da SPCE, tendo como orientação o seguinte plano estratégico de ação:

  • i) promover a divulgação da investigação em curso, designadamente pelos jovens investigadores;
  • ii) constituir uma base alargada de membros participantes nas atividades da secção;
  • iii) valorizar o debate permanente entre investigadores jovens e seniores;
  • iv) construir a sustentabilidade funcional da secção como espaço de encontro e debate para a Educação Digital, a Distância e em Rede;
  • v) promover a participação da secção nos debates nacionais e internacionais neste domínio.

É este o desafio que nos espera e mobiliza, para o qual gostaria de contar com a vossa adesão a esta minha candidatura.

Com os mais cordiais cumprimentos,

16 de novembro de 2021

Paulo Maria Bastos da Silva Dias

Candidaturas recebidas para a Eleição do Coordenador da SEaD a 29 de Novembro de 2021

De acordo com a Nota Informativa 1 de 10/11/2021, cumpre-nos informar, enquanto Comissão Eleitoral, que foi rececionada e aceite, no prazo previsto, a candidatura do Professor Paulo Maria Bastos Dias para a coordenação da Secção de Educação a Distância da SPCE.

Aproveitamos para relembrar as próximas etapas do processo eleitoral:

  • Publicação do caderno eleitoral: até 26 de novembro;
  • Votação em sistema eletrónico a divulgar brevemente: 29 de novembro;
  • Divulgação dos resultados da votação: 30 de novembro.

Com os mais cordiais cumprimentos,


A Comissão Eleitoral

Teresa Pessoa

Luísa Aires
Teresa Pessoa

Nota Informativa 1

A reunião da Assembleia Geral da secção de Educação a Distância da SPCE decorreu hoje, dia 10 de novembro, às 18:30h, meia hora depois do inicialmente agendado, em segunda convocatória com os membros presentes.

No decurso dos trabalhos foram aprovadas as alterações ao regulamento da secção (disponível em http://sead.spce.org.pt/regulamento) e constituída a Comissão Eleitoral que irá supervisionar todos os procedimentos da eleição da coordenação, a qual integra a Profª Luísa Aires e a Prof.ª Teresa Pessoa.

Foi igualmente estabelecida a calendarização do processo eleitoral que a seguir se apresenta de forma detalhada:

15 a 21 de novembro: submissão das candidaturas à Comissão Eleitoral (luisa.aires@uab.pt e tpessoa@fpce.uc.pt);
22 de novembro: publicação das candidaturas;
22 a 26 de novembro: publicação do caderno eleitoral e período de divulgação das candidaturas pelos proponentes;
29 de novembro: votação em sistema eletrónico;
30 de novembro: divulgação dos resultados pela Comissão Eleitoral.

A assembleia sublinhou ainda a oportunidade para mais uma vez se recomendar aos colegas interessados nas atividades da secção que se inscrevam como sócios da SPCE, por forma a poderem participar como membros de pleno direito nas próximas reuniões, designadamente nas eleições que se avizinham. Esta recomendação não contraria o espírito de abertura que tem caracterizado a secção desde a sua fundação, acolhendo a participação de todos os interessados nas suas atividades, mesmo que não sejam sócios da SPCE.

Para mais informações e esclarecimentos, por favor contactar : sead.spce@gmail.com

Diálogos e Investigação sobre Cultura, Educação e Sociedade Digital

Nos próximos dias 18 e 19 de novembro vai ter lugar, em formato virtual, a segunda edição de Diálogos e Investigação sobre Cultura, Educação e Sociedade Digital.

O encontro será orientado por três linhas temáticas: (i) ética da responsabilidade na interação entre ser humano e computador, (ii) conhecimento da dúvida e a dúvida como conhecimento e (iii) tecnologia digital e criatividade artística.

III Encontro Internacional – Educação Digital

A Educação Digital é o tema do III Encontro da Associação de Educação a Distância dos Países de Língua Portuguesa (EADPLP), que será realizado online no dia 18 de novembro, às 17h00 (Portugal Continental) com o objetivo de promover a partilha do pensamento e das experiências de aprendizagem em rede, em particular, as desenvolvidas ao longo da pandemia.

Temos uma conceção da educação sustentada ainda nos modelos de pensamento da reprodução social para construir uma sociedade normativa com profissões e tarefas definidas. Contudo, este é um modelo em absoluta contradição com as dinâmicas das redes de aprendizagem e conhecimento na sociedade digital, pois dois terços das crianças que estão a iniciar a sua escolaridade irão trabalhar em áreas que hoje desconhecemos.

O digital é líquido e, ao longo das suas diferentes expressões de desenvolvimento, encontrámos um nomadismo muito particular, por vezes disperso, como se manifesta na diversidade dos focos de atenção que decorrem da natureza de visitação das comunidades. Mas pertencer à comunidade significa o acolhimento e a inclusão para a construção social da proximidade digital.

A Educação Digital representa o nosso maior desafio para a inovação pedagógica e a sustentabilidade da comunidade de conhecimento em rede. Saiba mais.