Proposta de Candidatura do Professor Paulo Maria Bastos Dias para a Coordenação da SEaD-SPCE

Proposta de candidatura

Desde a reunião de constituição, a qual decorreu no âmbito do XIII Congresso da SPCE em 2016, a Secção de Educação a Distância tem vindo a desenvolver a sua atividade no domínio da reflexão sobre a educação digital, a distância e em rede, nas áreas da formação para a docência on-line, dos ambientes e práticas emergentes para as aprendizagens em
rede, e da qualidade e inovação pedagógica.

O percurso desenvolvido até ao presente tem como enquadramento a missão e objetivos da secção através dos encontros anuais e das demais reuniões de trabalho que temos vindo a realizar, como é testemunhado na página da secção https://sead.spce.org.pt

Contudo e pese embora a significativa presença nos encontros que temos vindo a realizar com acesso livre, o esforço desenvolvido ainda não se concretizou na ampla adesão da comunidade da Educação a esta iniciativa sob a forma de membros participantes e envolvidos no programa e atividades da secção.

É certo que os tempos de confinamento devido à pandemia criaram um cenário incerto e perturbador do regular desenvolvimento da secção, onde a sobrecarga do trabalho online de muitos dos potenciais membros poderá ter desmobilizado o interesse suscitado pelas oportunidades da tecnologia nestes contextos. Mas é também evidente que o imenso esforço da comunidade da Educação em construir alternativas ao confinamento e necessita agora de ser optimizado para um cenário pós-pandémico de enriquecimento do ensino e aprendizagem com o digital.

No III Encontro da SEAD realizado recentemente, os painéis que o constituíram tiveram uma forte participação de professores dos diferentes níveis de ensino, de investigadores e de outros profissionais, o que constitui um sinal de valorização da ligação entre o mundo académico e o profissional, em particular no que respeita à sessão dedicada aos jovens investigadores. Creio ser este um aspeto que merece a maior atenção para o desenvolvimento futuro pois, no quadro da missão da secção, esta é uma linha fundamental para a sustentabilidade do seu programa de ação, através da contribuição colaborativa para a reflexão e a inovação nos domínios da educação digital, a distância e em rede.

Para o conseguir concretizar teremos de desenvolver uma conceção da educação para além da visão da reprodução sócio curricular que sustenta uma sociedade com profissões e tarefas definidas. Esta é uma visão ultrapassada, em absoluta contradição com as dinâmicas das redes de aprendizagem e conhecimento na sociedade digital.

Creio que este é um momento decisivo para reforçar e consolidar a missão da secção, a qual se afirma no desafio da valorização da inovação e da mudança para a educação digital na sociedade em rede.

Para dar continuidade a este projeto apresento a minha candidatura para a coordenação da secção de Educação a Distância da SPCE, tendo como orientação o seguinte plano estratégico de ação:

  • i) promover a divulgação da investigação em curso, designadamente pelos jovens investigadores;
  • ii) constituir uma base alargada de membros participantes nas atividades da secção;
  • iii) valorizar o debate permanente entre investigadores jovens e seniores;
  • iv) construir a sustentabilidade funcional da secção como espaço de encontro e debate para a Educação Digital, a Distância e em Rede;
  • v) promover a participação da secção nos debates nacionais e internacionais neste domínio.

É este o desafio que nos espera e mobiliza, para o qual gostaria de contar com a vossa adesão a esta minha candidatura.

Com os mais cordiais cumprimentos,

16 de novembro de 2021

Paulo Maria Bastos da Silva Dias

Candidaturas recebidas para a Eleição do Coordenador da SEaD a 29 de Novembro de 2021

De acordo com a Nota Informativa 1 de 10/11/2021, cumpre-nos informar, enquanto Comissão Eleitoral, que foi rececionada e aceite, no prazo previsto, a candidatura do Professor Paulo Maria Bastos Dias para a coordenação da Secção de Educação a Distância da SPCE.

Aproveitamos para relembrar as próximas etapas do processo eleitoral:

  • Publicação do caderno eleitoral: até 26 de novembro;
  • Votação em sistema eletrónico a divulgar brevemente: 29 de novembro;
  • Divulgação dos resultados da votação: 30 de novembro.

Com os mais cordiais cumprimentos,


A Comissão Eleitoral

Teresa Pessoa

Luísa Aires
Teresa Pessoa

Nota Informativa 1

A reunião da Assembleia Geral da secção de Educação a Distância da SPCE decorreu hoje, dia 10 de novembro, às 18:30h, meia hora depois do inicialmente agendado, em segunda convocatória com os membros presentes.

No decurso dos trabalhos foram aprovadas as alterações ao regulamento da secção (disponível em http://sead.spce.org.pt/regulamento) e constituída a Comissão Eleitoral que irá supervisionar todos os procedimentos da eleição da coordenação, a qual integra a Profª Luísa Aires e a Prof.ª Teresa Pessoa.

Foi igualmente estabelecida a calendarização do processo eleitoral que a seguir se apresenta de forma detalhada:

15 a 21 de novembro: submissão das candidaturas à Comissão Eleitoral (luisa.aires@uab.pt e tpessoa@fpce.uc.pt);
22 de novembro: publicação das candidaturas;
22 a 26 de novembro: publicação do caderno eleitoral e período de divulgação das candidaturas pelos proponentes;
29 de novembro: votação em sistema eletrónico;
30 de novembro: divulgação dos resultados pela Comissão Eleitoral.

A assembleia sublinhou ainda a oportunidade para mais uma vez se recomendar aos colegas interessados nas atividades da secção que se inscrevam como sócios da SPCE, por forma a poderem participar como membros de pleno direito nas próximas reuniões, designadamente nas eleições que se avizinham. Esta recomendação não contraria o espírito de abertura que tem caracterizado a secção desde a sua fundação, acolhendo a participação de todos os interessados nas suas atividades, mesmo que não sejam sócios da SPCE.

Para mais informações e esclarecimentos, por favor contactar : sead.spce@gmail.com

CCPFC – Carta Circular 4/2021 – Fim da excecionalidade de formação em “regime a distância”

O CCPFC (Conselho Científico-pedagógico da Formação Contínua) procedeu à publicação da Carta Circular CCPFC 4/2021, relativa ao Fim da excecionalidade da formação acreditada em "regime presencial" poder ser realizada em "regime a distância', disponível em 
http://www.ccpfc.uminho.pt/Uploads/CartasCirculares/2021/carta%20circular%204.2021%20VF.pdf